Greatest hits, os 7 melhores looks da beleza internacional

18.10.2010 - 17:00 Beleza 17 comentários

Especial de beleza do Blog LP! Fizemos uma playlist com o melhor da maquiagem e cabelo dos desfiles de primavera-verão 2011 de Paris, Milão, NY e Londres. São 7 looks-hits acompanhados de 7 faixas musicais para você ouvir enquanto reproduz um deles em casa. Dê o play!

1. Louis Vuitton, ouvindo “Slave to the Rhythm”, por Grace Jones
A mulher da coleção da Louis Vuitton não é tímida, ela é “uma extrovertida” – assim disse Marc Jacobs no backstage. E a maquiagem que Pat McGrath fez traz lábios cor de vinho cobertos por uma farta camada de gloss incolor; olhos com traço de delineador e sombras esfumadas nas cores roxo e dourada, em um resultado que informa instantaneamente: essa é uma mulher forte (não que ela precise ouvir isso de alguém!). Pra efeito do show, as sobrancelhas foram apagadas e um risco fino, dos que se via entre os anos 1920 e 1930, as estilizava. O cabelo, feito por Guido Palau, era preso com detalhe de mechas torcidas na parte de trás. Très YSL, retrô-sexy!

2. Chloé, ouvindo “Heaven Can Wait”, por Beck e Charlotte Gainsbourg
A beleza feita pra Chloé é simples + chic, comum nas passarelas da grife e sempre um dos melhores. Desta vez, a palavra de ordem era dualidade. A maquiadora Charlotte Tilbury criou novos contornos no rosto a partir do contraste de luz e sombra – o que, faz tempo, você sabia que é tendência. Os tons de marrom foram os escolhidos pra isso e aparecem acentuados nos olhos. O cabelo, feito por Luigi Mureno, é um coque chignon dividido na lateral. A inspiração para ele era uma bailarina, mas o hairstylist subverteu tudo dando um tom masculino no acabamento do penteado. Bonito!

Reprodução

Reprodução
Picture 1 of 15

Louis Vuitton, maquiagem por Pat McGrath

3. Jil Sander, ouvindo “Lemon”, por U2
Boca! Era isso o que gritava o look das modelos no desfile da Jil Sander. Peter Phillips escolheu um tom elétrico de pink (misturinha de batom fúcsia com uma base branca, pra deixar a cor ainda mais vibrante) pra cobrir os lábios, e deu a dica de que os batons neon e fluo são tendência – grifes como Gucci e Fendi também apostaram nesse tipo de look na temporada. O resto do rosto ficou limpo, sem blush ou máscara nos cílios. O cabelo foi preso em um coque por Paul Hanlon, onde apenas a parte presa tinha textura.

4. Proenza Schouler, ouvindo “Amor”, por Secos & Molhados
Sim, o que você viu no rosto das modelo no desfile da Proenza Schouler eram… olheiras! A maquiadora Diane Kendal pulou o corretivo e cobriu a pele delas apenas com base, dando um aspecto mais “vida real” pro look. Depois, só preencheu as sobrancelhas com lápis, mais nada. O cabelo, feito por Paul Hangon, foi texturizado e ganhou volume, pra parecer que tinha sido preso no começo da manhã e algumas mechas caíram ao longo do dia. Tudo muito leve – como pluma, na música do Secos & Molhados!

5. Prada, ouvindo “Pa Panamericano”, por Yolanda Be Cool
Como você já leu no Blog LP, a coleção de primavera-verão 2011 da Prada, uma das mais aguardadas de toda a temporada, entrou na passarela em clima de “we don’t speak braziliano”. A referência pra beleza também foi um remix: androginia, modernidade, atração e estranheza. Miuccia Prada pediu algo “forte e refletivo”. E assim fez Pat McGrath, colocando uma sombra prateada como grande informação de moda da maquiagem. O cabelo, de Guido Palau, foi moldado em mais um preso desses com aspecto arrumadinho e brilhante. Se a Prada fez… tem tendência aí!

VEJA TAMBÉM: As top 10 tendências de beleza dos últimos SPFW e Fashion Rio
VEJA TAMBÉM: 5 propostas de beleza do SPFW pro verão – e onde usá-las!
SAIBA TAMBÉM: O segredo de maquiagem do corpo das modelos brasileiras…

6. Sonia Rykiel, ouvindo “I Feel Love”, por Donna Summer
A modelo de Sonia Rykiel já entrou na passarela em vantagem, com um sorriso no rosto. O que ela está sentindo (Amor? Alegria porque a melhor música da noite toda na discoteca tocou?) não sabemos – mas dá vontade de copiar o look dela! Os lábios foram cobertos por um mix de batons de Charlotte Tilbury que resultou em um fúcsia de base metálica – e que, a maquiadora garante, vai bem com todos os tipos de pele. Assim como no desfile de Marc Jacobs, o cabelo foi penteado bem anos 1970: com volume, textura e tudo mais. As madeixas foram divididas na lateral e trabalhadas no babyliss. Acha que é look pra desfile? Cecilia Dean fez o mesmo cabelo pra um evento outro dia em NY, fica a dica…

7. Alexander McQueen, ouvindo “I’ll Be There”, por Jackson Five
A musica não tem relação alguma com a beleza de Alexander McQueen – ou tem, já que foi ao som dela que terminou a 1ª apresentação de prêt-à-porter feminino da grife depois da morte do estilista. E Alexander McQueen estava lá: se não foi um show de tecnologia como os que Lee costumava fazer, a beleza estava bem de acordo com o tipo de performance que gostava. Espetacular! A construção feita por Guido Palau era um trançado tipo cesta que misturava as madeixas das modelos com apliques de cabelo real comprados em outros tons, em um trabalho muito artesanal que demorou horas pra ficar pronto. E atenção aos detalhes: as unhas ganharam adesivos da Minx que reproduziam motivos florais que estavam nas peças de roupa! Não se empolgue, cara leitora: foram feitos só pro desfile… Que pena.

Tags:                                                            

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest

Comentários (17)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>