3 exposições que você precisa ver pra ficar na rodinha de conversa de fashionistas

21.01.2011 - 10:00 E Mais... Prazeres comente!

Existem 3 exposições que você precisa ver pra fazer comentários pertinentes nas rodinhas de conversa de fashionistas durante no 1º semestre de 2011. E você vai ter que usar um passaporte pra visitá-las… Blog LP te diz quais são – confira!

1. Chanel Culture“, no Museum of Contemporary Art, Xangai
Até 14/03
A Chanel foi para Xangai e gostou (a Dior e a Hermés também). Depois de abrir uma loja e fazer seu desfile de pré outono-inverno 2010 lá, a marca francesa abre uma exposição com 400 itens (entre roupas, joalheria, objetos pessoais, imagens, desenhos e manuscritos) selecionados com curadoria do diretor e crítico de arte Jean-Louis Froment – um trabalho que durou cerca de 2 anos. Um opcional para quem estiver na cidade é passar na 18Gallery, que abre no próximo fim de semana uma expô com fotografias de Karl Lagerfeld e Adnan Taletovish.

Reprodução

Reprodução
Picture 1 of 6

"Culture Chanel", exposição do MOCA de Xangai

2. Hussein Chalayan“, no Musée des Arts Décoratifs, Paris
De 7/07 a 21/11
Hussein Chalayan faz roupas que parecem feitas pra serem apreciadas como uma obra de arte. Num museu, por que não? A última vez em que isso aconteceu foi em 2009, no Design Museum de Londres, e agora é a vez do Musée des Arts Décoratifs, que vai reunir a maior exposição já vista do estilista em Paris. Com organização de Pamela Golbin e cenografia assinada pela Block Architecture, ela vai mostrar o trabalho fashion-tecnológico dele, reunindo as peças mais importantes que já apresentou em sua carreira – tipo a que está na galeria acima!

3. Andy Warhol: Motion Pictures“, no Museum of Modern Art, NY
Até 21/03
Uma sala com filmes mudos em P&B que trazem as experimentações de Andy Warhol com esse suporte abriu suas portas no MoMA, em NY. Objetos inanimados, alguns animais e vários membros de seu círculo social são o conteúdo dos vídeos, que trazem a participação de Edie Sedgwick, Lou Reed, Allen Ginsberg e Dennis Hopper (celebridades do rolê avant-garde na metade dos anos 1960). A realização é de Klaus Biesenbach – o mesmo homem que trouxe as expôs do artista pra SP e pro Rio. E tem mais: o site da expô tem um aplicativo que permite que você faça o seu próprio screen-test!

Tags:                    

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>